Categorias:

Por que investir em Customer Experience?

Estamos vivendo uma era onde o consumidor está cada vez mais exigente. De acordo com a pesquisa do Customer Experience Council 2017, da Forrester, 79% dos entrevistados acreditam que medir a experiência do cliente é uma prioridade. Por esse motivo empresas que não investem em um atendimento de qualidade acabam tendo uma taxa de desistência muito elevada. 

A maior parte das fontes diz que adquirir um cliente novo pode custar entre 4 e 10 vezes mais, do que manter um cliente já existente. O que só reforça a importância da fidelização e o custumer experience existe exatamente para isso.

Ao comparar com clientes que tiveram experiências negativas, cliente que desfrutaram de uma experiência positiva são muito mais propícios a recomendar, confiar, experimentar novos produtos, comprar mais e perdoar a empresa após um erro.

Construir fidelidade e aumentar os lucros andam de mãos dadas. E para isso é necessário entender o que seu cliente pensa do seu negócio. Viver no “achismo” de como seus clientes te enxergam é um caminho perigoso. É preciso ouvir o que seu cliente tem a dizer, mesmo quando a opinião dele não é exatamente o que você esperava, para poder começar a melhorar a experiência do consumidor. 

Como aplicar o customer experience?

A primeira coisa a fazer para transformar a experiência no seu negócio e medir o feedback do cliente. É importante entender as expectativas do seu cliente. Consumidores são pessoas e indispensavelmente envolvem muitas emoções e comportamentos inesperados ao realizarem uma compra, porém é possível se planejar para imprevistos e direcionar o melhor caminho para experiências que deseja atingir. 

Faça da sua experiência um diferencial! 

A competitividade no mercado está cada vez mais alta e seu cliente é cada dia mais exigente. É necessário ter diferenciais que te tornam únicos e que farão seu cliente escolher você ao invés de seu concorrente. A experiência pode ser um ótimo diferencial.

E para isso é indispensável ser transparente com si mesmo e se perguntar o que você pode mudar para transformar a experiência do seu cliente. Aqui não falamos apenas de qualidades tangíveis, mas também de sentimentos e emoções que você pode despertar em seu cliente. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *